Hipnose na Psicologia: Descubra Agora como Funciona!

Quer saber como a hipnose na psicologia é aplicada? Leia este artigo e desmistifique essa técnica agora!

Hipnose na psicologia, Como Funciona?

Agora, você vai dormir… Vai dormir…

É dessa forma, junto com um relógio se movendo e fazendo “tic tac”, que você ainda enxerga a hipnose?

Atualmente, a hipnose vem ganhando bastante espaço na área da saúde

Diversos profissionais a recomendam para o tratamento de traumas, dores crônicas, ansiedade ou depressão. Ainda é utilizada para fins de entretenimento sim, porém, a hipnose clínica é uma terapia séria, diferente da diversão e se tornou uma área de estudos científicos.

A história da Hipnose 

A história da hipnose com a psicologia é mais antiga do que você imagina…

Desde a época do antigo Egito, ela é utilizada pelos faraós, principalmente pela grande influência de sua cultura.

Esses reis acreditavam que o melhor remédio para os males dos seres humanos estava no seu próprio corpo, usando o artifício do transe para resolver os problemas físicos e mentais.

Posteriormente, esse recurso foi amplamente estudado e utilizado por Sigmund Freud, que depois abandonou o método para criar a psicanálise.

Além disso, inúmeros pesquisadores continuaram o seu trabalho, como Dave Elman e Milton Erickson, nascidos no início do século XX…

No entanto, após muitos anos, Freud reconheceu o valor da hipnose para acessar e tratar questões da mente inconsciente.

Hoje em dia, essa é uma área de estudos do campo da neurociência e psiquiatria!

A hipnose é reconhecida e recomendada por órgãos de saúde!

Alguns conselhos federais, como o de Psicologia, Medicina, Odontologia, Fisioterapia e Enfermagem, reconhecem a hipnose em todo Brasil e internacionalmente.

LEIA TAMBÉM:  Hipnoterapia: Entenda Seu Funcionamento e Aplicações.

A necessidade da Hipnose na Psicologia

Com maiores estudos no mundo acadêmico apresentando resultados fantásticos em universidades de renome, como a Universidade Stanford dos Estados Unidos, a hipnose passou a ser difundida nos consultórios de psicologia. Estudiosos perceberam com o tempo que terapias convencionais, como a psicoterapia ou a psiquiatria com medicação, não eram “suficientes” para lidar com grandes problemas, sejam traumas, dores ou crenças limitantes.

Elas não eram capazes de acessar o transtorno…

Após o frustrante uso de muitos medicamentos e sessões falhas, optaram pela aplicação da hipnose e obtiveram sucesso imediato na primeira sessão.

Com essa técnica, eles podiam acessar os traumas e o processo terapêutico podia acontecer de forma efetiva.

Como a hipnose é aplicada numa sessão de psicologia?

Seja na abordagem humanista, comportamental ou psicanalista, qualquer psicólogo pode utilizar a hipnose como terapia auxiliar no processo terapêutico. Ela age como um catalizador de resultados na terapia.

A hipnose não é um ramo independente na psicologia!

Ela é uma ferramenta fantástica que pode ser utilizada internamente em cada abordagem para melhoria do processo.

 

Os psicólogos de maior sucesso, independente das linhas de pensamento que seguem, utilizam hipnose em seus atendimentos como instrumento para mudança de hábitos, transtorno por abuso de substâncias, controles de dores e reestruturação cognitiva.

Durante o transe hipnótico, o paciente fica bastante propenso a receber sugestões. Ou seja, é nesse momento que o psicólogo é capaz de conduzi-lo à raiz do problema, descobrir o que realmente necessita ser tratado e realizar a ressignificação do ponto desejado.

Portanto, o psicólogo é um intermediador do processo de ressignificação, pois enxerga o foco do problema para trabalhar na solução.


É psicólogo e tem vontade de aprender hipnose?

LEIA TAMBÉM:  O Que é e Como Funciona a Hipnose?

Conheça agora o HIPNOTIME 30 e aprenda TUDO o que você precisa saber para utilizar a hipnose e tornar seus atendimentos mais ricos, notáveis e efetivos.

Sobre o Autor

Ton Lucas
Ton Lucas

Já ajudei centenas de pessoas em todo o Brasil através da Hipnose. Após várias formações nacionais e internacionais, atuei por anos em Consultórios Odontológicos, como hipnoterapeuta e hipnólogo, realizando trabalho de hipnodontia. Atualmente é Psicólogo, Palestrante, Professor de hipnose e realizo atendimentos particulares de hipnoterapia com pessoas que buscam, na Hipnose Clínica e Terapêutica uma excelência na qualidade de vida.